terça-feira, 20 de maio de 2008

AGORA É BH!!!!


Dia 30 está chegando, vc já comprou seu ingresso???



Lembrando que o Chevrolet Hall tem uma política para meia entrada diferenciada ( abaixo de 21 anos e acima de 60 anos pagam meiaa entrada). Mais detalhes em http://www.maristahall.com.br/



O QUE SÁ, RODRIX & GUARABYRA, VENTURINI E 14 BIS TÊM EM COMUM?

Com lançamento nacional em Belo Horizonte, no Chevrolet Hall, no dia 30 de maio, às 23h, projeto de reunião do trio SÁ, RODRIX & GUARABYRA com o grupo mineiro 14 BIS e o cantor, compositor e tecladista FLÁVIO VENTURINI pode ser classificado, sem sombra de erro, de um encontro histórico. Os artistas vão passar a limpo mais de 30 anos de parcerias inspiradas, com dezenas de sucessos inesquecíveis que marcaram pelo menos três gerações de ouvintes e espectadores.



Um breve resumo dos encontros e parcerias que fizeram desses artistas parceiros e amigos, pode ser a seguinte: LUIS CARLOS SÁ, GUTEMBERG GUARABYRA e ZÉ RODRIX se juntaram, na década de 70, para criar o trio SÁ, RODRIX & GUARABYRA, responsável por um novo estilo de música que a crítica batizou de rock rural. ”Anos 60“, ”Mestre Jonas“ e ”Blue Riviera“ são alguns dos temas que logo transformaram o trio em campeões de execução de rádio em todo o país, apresentando uma música pop que mesclava instrumental inspirado, letras coloquiais e uma vocação para a diversão. Deles e da platéia.Depois de três discos, ZÉ RODRIX sai para carreira-solo e a dupla SÁ & GUARABYRA saiu para estrada, iniciando uma trajetória que deu em discos antológicos e hits como ”Sobradinho“, ”Roque Santeiro“ e ”Pendurado no Vapor“.




Para acompanhar a dupla em estúdio e palco, foram convocados os músicos LUIZ MORENO, FLÀVIO VENTURINI, SÉRGIO MAGRÃO e SÉRGIO HINDS, que logo também inventaram sua própria música e criaram o TERÇO.O TERÇO fez muito sucesso, principalmente por rocks ao mesmo tempo sofisticados e de grande apelo popular, como ”Criaturas da Noite“ e ”1974“. Depois de uma carreira de sucesso com o quarteto, o autor de boa parte das melodias, FLÁVIO VENTURINI, e o baixista SÉRGIO MAGRÃO se uniram a dois mineiros saídos do grupo baiano BENDEGÓ, VERMELHO e HELY, mais o irmão mais novo de FLÁVIO, CLÁUDIO VENTURINI, para acompanhar o montesclarense Beto Guedes nas gravações de seu antológico álbum A PÁGINA DO RELÂMPAGO ELÉTRICO. Daí saíram para formar o 14 BIS, defensores da faceta mais pop do Clube da Esquina e responsáveis por músicas que fazem cócegas na memória de quem viveu as décadas de 70 e 80, como ”Linda Juventude“, ”Uma Velha Canção Rock´n´Roll“ e ”Caçador de Mim“.



Muitas horas de palco e estúdio depois, FLÁVIO VENTURINI saiu para carreira-solo, mas nunca deixou de lados as parcerias com os colegas do 14 BIS e da dupla SÁ & GUARABYRA. E o 14 BIS seguiu sua trajetória de sucesso.Cheias de interseções, pontos de convergência e muito companheirismo e amizade, as carreiras de todos esses artistas agora estão oficialmente juntas no palco, num encontro para reviver o passado, afirmar a boa forma do presente de todos eles e redesenhar o futuro de tantos talentos que, certamente, depois deste show, não será mais o mesmo. No repertório os maiores sucessos da carreira de todos eles como: Espanhola, Dona, Roque Santeiro, Sobradinho, Linda Juventude, Planeta Sonho, Caçador de Mim, Nascente, Besame, Noites com Sol, Princesa e muitos outros

Um comentário:

Marcos França disse...

Primeiramente parabéns pelo blog, muito bom. Gostaria de saber se existe a possibilidade de meu blog: Cultura Nordestina: http://culturanordestina.blogspot.com/ fazer parte da seção de links do seu? Trata-se de um blog voltado a divulgar os mais variados aspectos de nossa cultura popular nordestina e brasileira. De antemão já agradeço a atenção. Abraços,